Apple TV+ anuncia parceria com a vencedora do Prémio Nobel da Paz Malala Yousafzai

imagem: apple.com

A Apple revelou uma nova parceria para a sua programação com a ativista dos direitos das mulheres e mais jovem ganhadora do Nobel da Paz, Malala Yousafzai. Este acordo abrangerá a criação de dramas, comédias, documentários, animação e séries infantis, baseando-se na capacidade de Malala para inspirar pessoas de todo o mundo.

“Acredito no poder das histórias para unir famílias, fazer amizades, construir movimentos e inspirar as crianças a sonhar. E não poderia pedir uma parceria melhor que com a Apple para ajudar a dar vida a essas histórias. Estou grata pela oportunidade de apoiar mulheres, jovens, escritores e artistas a refletir o mundo como o vêem”, afirmou Malala Yousafzai.

Malala e a sua nova produtora Extracurricular juntam-se à lista de visionários criativos da Apple, que incluem alguns nomes como Oprah Winfrey, Steven Spielberg, Tom Hanks, Will Smith, Jennifer Aniston, Reese Witherspoon, Idris Elba, Martin Scorsese, Leonardo DiCaprio, Octavia Spencer, Kumail Nanjiani, Alfonso Cuarón entre outros.

Quem é Malala?

Malala Yousafzai é uma jovem paquistanesa que foi vítima de um atentado ao defender o direito das meninas de ir à escola. Aos 17 anos, foi a mais jovem ganhadora do Prémio Nobel da Paz.

Com 16 anos, publicou o seu livro de memórias e best-seller, “I Am Malala”. Desde então, escreveu mais dois livros, participou num documentário sobre a sua infância e criou a Assembly, uma publicação digital disponível na Apple News, destinada a meninas e mulheres. Também fundou o “Malala Fund” para lutar pelo direito de todas as meninas a 12 anos de educação segura, gratuita e de qualidade.

Em 2018, a Apple tornou-se o primeiro parceiro deste projeto, apoiando o trabalho da organização com defensores e professores locais em oito países onde meninas enfrentam graves desafios educacionais.

fontes: apple.com


Comentários